12 Áreas com Demanda de Inglês Fluente que Você não Imaginava

11 de agosto de 2020
Por  Alice Oliveira

Enquanto o inglês para negócios sempre esteve em evidência, aprender línguas para realizar sonhos e conquistar objetivos pessoais e acadêmicas ganha cada vez mais destaque à medida em que as fronteiras do mundo se abrem para a troca de experiências e conhecimento entre as nações.

Não é por acaso que ele é o idioma mais falado no mundo. O inglês faz um elo além das fronteiras, nos permitindo não apenas melhor aproveitar experiências de viagens e intercâmbio no exterior; mas também expandir a mente com novas oportunidades acessíveis por quem fala o idioma. 

Da Ásia às Américas, o inglês é a língua universal para tratar de negócios, compartilhar notícias e se comunicar com o mundo. 

 

Falar outros idiomas, como o francês que é uma língua estratégica mundialmente, é também um grande diferencial no currículo. Porém, possuir proficiência na língua inglesa não é mais vantagem ou um adicional ao CV; mas sim essencial para o desenvolvimento pessoal e avanço na carreira.

Algumas áreas de atuação, como em TI, turismo, saúde, etc; sempre estiveram em maior evidência pela alta demanda por profissionais bilíngues em inglês

Neste post vamos desvendar outras áreas em que falar o idioma universal significa estar à frente das crescentes necessidades do mundo; estando, portanto, em uma posição vantajosa no mercado de trabalho. 

 

Já falamos como a fluência em outros idiomas pode ser sentida no bolso, já que quem fala inglês e outros idiomas estratégicos ganha até 60% a mais que que os demais profissionais.

Independentemente do nicho de mercado, entenda o porquê de investir na capacitação na língua inglesa para suas equipes e para sua família no idioma mais falado no mundo — até mesmo nas áreas que você nem imaginava!

 

Marketing

 

Já mencionamos como o setor de marketing está dentre as profissões em alta no futuro por ser uma área criativa, habilidade exclusivamente humana.

Igualmente ao setor de TI, os softwares utilizados pelos profissionais de marketing são em sua maioria em inglês. Sem falar em cursos e treinamentos na área que são lançados inicialmente no idioma universal. Quem é do setor de marketing sabe que estar à frente das mudanças e atento às novas tendências é uma qualidade essencial para se manter relevante no mundo digital. Por isso, não podem perder oportunidades de capacitação em  sua área por falta do inglês fluente.

 

Jornalismo 

 

Enquanto o profissional de jornalismo já tem vastas oportunidades de atuação em sua área, e apesar do idioma português ser fortemente trabalhado no curso; em um cenário geopolítico em que conflitos internacionais e eventos políticos estão ocupando cada vez um maior espaço nos jornais; falar inglês se tornou uma demanda para a área.  

Além disso, oportunidades de migração e mobilidade dentro da área são inúmeras. O inglês é o requisito básico, e outras línguas mais estratégicas são um grande diferencial para cobertura de eventos específicos ou até mesmo para promoção como correspondente internacional. 

 

Pedagogia 

 

Devido à migração de crianças e famílias vindos de países afetados por crises e guerras, os profissionais desta área, principalmente professores, precisam inovar em metodologias e novas abordagens a fim de integrar os conteúdos da escola para diferentes alunos com diferentes formas de aprendizagem. 

Muitas escolas já entenderam a importância deste fator, e já investe em novos idiomas para seu corpo docente estar capacitado a lidar com diferenças de aprendizagem; como é o caso da escola Prof. Malecka, participante da campanha do IFESP Adotando Escolas, que já promove aulas para seus alunos em 4 línguas: português, libras, espanhol e em francês. 

Portanto, o profissional desta área precisa estar atento não só a diferentes metodologias cujos livros e manuais estão disponíveis em inglês; mas também estar ligado a notícias do mundo e a recursos tecnológicos que promovem a inovação na educação. 

O papel do educador é levar conteúdos relevantes para formar alunos cada vez mais críticos e conscientes da configuração mundial atual.  

 

Indústria de Bem Estar e Esportismo

 

Profissionais da estética também podem se beneficiar de cursos, treinamentos e tendências em primeira mão ao se capacitarem em inglês; visto que muitas novidades deste setor vêm de fora. 

Esteticistas, massagistas, podólogos, cabeleireiros são algumas profissões que normalmente estão fora do circuito de inglês para negócios; mas que o aprendizado do idioma é tão importante quanto as profissões mais tradicionais para o crescimento profissional. 

Outra profissão em destaque com alta demanda para o idioma inglês é a de atleta, que está em constante movimento internacional para participar de eventos e campeonatos. 

 

Tradução e Interpretação

 

Ainda que inerente ao universo de idiomas, os tradutores e intérpretes estarão cada vez mais em evidência em um âmbito internacional de cooperação como tendência pós pandemia. 

Por isso, é importante os profissionais da área estarem atentos a reciclagens e capacitações na área; além de continuar investindo no aprendizado de novas línguas para expandir seu arsenal cultural e se abrir para novas oportunidades. 

 

Saúde

 

Outra área que estará em evidência como profissão do futuro é a saúde. Médicos, fisioterapeutas, psicólogos, enfermeiros, veterinários e dentistas estão em constante atualização por meio de pesquisas científicas, revistas, artigos acadêmicos ou participação em congressos e eventos. 

Por isso, o jeito mais eficiente para se manter atualizado com as descobertas científicas na área da saúde é realmente dominar a ferramenta utilizada para veicular todas essas publicações: o inglês.

Além disso, muitas profissões de saúde estão em alta para quem sonha em estudar no exterior ou até morar em outro país. Países como a Austrália por exemplo, facilitam a entrada de profissionais experientes neste setor que falam inglês fluente. Para o Canadá, ganha vantagem para quem, além da proficiência no inglês, também fala o francês. 

 

Ciências

 

A área científica também requer estudos constantes e, por isso falar a língua franca do mundo é imprescindível para participar de congressos e ter acesso em primeira mão de descobertas e estudos inovadores publicados primeiramente em inglês. 

Além disso, a fim de crescer na área, muitas vezes é necessário a publicação de artigos científicos; e possuir fluência nas quatro competências linguísticas será uma grande vantagem para que seu trabalho seja reconhecido mundialmente. 

 

Tecnologia

 

Além de ser uma das principais profissões que estarão em alta no futuro, para quem almeja entrar ou crescer neste setor, o inglês fluente é fundamental não apenas para o entendimento de softwares, manuais e conteúdos da área que normalmente são divulgados inicialmente em publicações de renome internacional; mas também para estar aberto às crescentes oportunidades de migração para países como o Canadá, Malta, e Irlanda; que estão com crescente demanda por profissionais da área de TI bilíngues em inglês e outros idiomas. 

 

Turismo e Aviação

 

Embora esta seja uma área em recesso em tempos de pandemia, é justamente por isso que esse é o melhor momento para se capacitar em outra língua e usar este período para o desenvolvimento pessoal e profissional. 

Com hábitos de consumo e tendências econômicas mudando rapidamente, ganhará destaque e estará à frente da situação quem começar a investir desde já no aperfeiçoamento da hospitalidade. 

Falar línguas — não apenas o inglês; mas se comunicar na língua natal de um turista é um fator que cativa e permite um melhor atendimento ao cliente. Sem falar na possibilidade de educação contínua, tendo acesso a oportunidades uma vivência no exterior para descobrir as tendências no mundo da hotelaria internacionalmente. 

Atrelados a esta área estão também as profissões de comissário de bordo e piloto de avião. Todos sabem da necessidade de comissários de bordo falarem outras línguas; mas para o último, muitos talvez não saibam que ter inglês fluente é também essencial devido ao alto grau técnico exigido em todas  as etapas de formação dos pilotos de avião. Isso porque muitos procedimentos seguem padrões americanos; e além disso, a língua franca também é utilizada no controle de tráfego aéreo em voos internacionais.

 

Administração e Contabilidade

 

Os gestores de empresas e de pessoas já estão em uma posição estratégica atentos às mudanças no mundo de negócios, e por isso entendem a importância de investir no idioma inglês. 

Pela área administrativa já ser estratégica por si só permitindo ao profissional uma mobilidade entre cargos e diferentes áreas de atuação; ter inglês fluente torna-se ainda mais significativa quando uma forte tendência será a cooperação e negociação internacional em um mundo pós pandemia; facilitando negociações com empresas e fornecedores estrangeiros, por exemplo. 

Além disso, o setor de finanças e contabilidade é um que, mesmo em tempos de crise, registra empregabilidade, segundo levantamento da Wyser, empresa especializada em recrutamento e seleção. 

Também é uma tendência pós pandemia o recrutamento em empresas internacionais para trabalho remoto; que, independentemente do país, o inglês será a língua em comum entre todos.

 

Relações Internacionais e Comércio Exterior

 

Similarmente ao turismo, quem almejou esta área é porque ama culturas, viagens e lidar com pessoas de diferentes nacionalidades. O nome inclusive já diz tudo, e especialmente nestes setores, o inglês fluente já é esperado dos profissionais. 

Neste caso, é imprescindível a fluência e especialização no idioma, por meio de testes de proficiência por exemplo; assim como o aprendizado de outras línguas estratégicas. 

Para a área diplomática e de RI, como já falamos, é de relevância a língua francesa por ela ser considerada o idioma da diplomacia. 

Já na área de comércio exterior, além da tendência mundial à cooperação e negociação entre diferentes nações como já foi mencionado anteriormente, o Brasil é um grande exportador de produtos agrícolas e produtos artesanais, o que faz o profissional interagir diretamente com mercados de diversos países. 

Por isso, possuir um bom nível em todas as competências linguísticas é essencial para realizar transações de importação com fornecedores internacionais.

 

Engenharia

 

Por estar muito próxima de empresas internacionais, o mercado de engenharia tem buscado por profissionais com domínio de inglês. Devido à falta de pessoas qualificadas no mercado, a compensação para aqueles que dominam a língua pode aumentar consideravelmente. Além disso, especializações como a da Engenharia Civil estão em evidência por trazer e levar multinacionais de e para o Brasil.

 

 

Citamos a importância da proficiência no inglês em diversas áreas, mas a verdade é que em tempos de expansão internacional, crise global, conhecimento disponível na palma das mãos; falar inglês fluentemente não é mais uma vantagem competitiva ou um plus, mas é primordial para quem almeja traçar novas trilhas para seu crescimento pessoal e profissional.

Saber inglês em qualquer área de atuação é imprescindível no mundo de hoje. Ter fluência na língua universal dá acesso a melhores oportunidades de trabalho, viagens para o exterior, desenvolvimento pessoal e intelectual. O inglês por toda parte, e para se manter conectado e relevante no novo normal, será imprescindível dominá-lo. 

Já está convencido de que o inglês é mais do que necessário em qualquer momento da vida? Então conheça nossa nova escola de inglês 100% online: Iron English.

Newsletter

Inscreva-se para receber conteúdos exclusivos.